Cuiabá - MT | Quarta-Feira, 04 de Agosto de 2021

Homem fica irritado com demora em atendimento e ameaça funcionários de hospital

Homem fica irritado com demora em atendimento e ameaça funcionários de hospital

Até o momento, segundo relatos médicos, a situação segue crítica nos hospitais e entre pacientes com Covid-19

Um homem, acompanhado da esposa grávida de oito meses, foi preso depois de provocar uma confusão em um hospital de Rondonópolis (219 km de Cuiabá). Ele ameaçou funcionários e desacatou policias militares na noite de sábado (12).

De acordo com informações do boletim de ocorrências, a Polícia Militar foi acionada por funcionários da unidade médica.

As testemunhas relataram que o homem já chegou nervoso no local. Ele estava exigindo atendimento imediato para a esposa grávida de oito meses. No entanto, foi informado pelos funcionários que devido à pandemia da Covid-19, o casal deveria seguir as novas diretrizes da unidade de saúde.

O homem ficou ainda mais agressivo, começou a xingar e ameaçar os trabalhadores. O suspeito ainda chegou a quebrar uma das portas do local. Ele continuou com a confusão mesmo depois da mulher já ter recebido atendimento médico.

Com a chegada da PM, o suspeito não acatou as ordens e partiu para cima dos agentes, sendo necessário que fosse feita a imobilização física dele.

Ao ser questionada pela polícia, a mulher gestante relatou que o marido tem um histórico agressivo e até mesmo antes de ir para o hospital eles teriam discutido. Ainda de acordo com a grávida, ela já teria registrado um boletim da Maria da Penha contra o homem, que foi encaminhado à Delegacia de Polícia.