Expediente | Quem Somos         
   Terca-Feira, 29 de Setembro de 2020   

CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 02/08/2020  18:16:53


Com expulsão polêmica, Corinthians vence o Mirassol e vai à final do Paulistão



corinthians.jpg

Luan em lance de Corinthians x Mirassol (Foto: Marcos Ribolli)

Depois de quase estar eliminado, o Corinthians se classificou neste domingo para a quarta final consecutiva do Campeonato Paulista. Em um jogo complicado e um jogador a mais desde os 14 minutos do segundo tempo, o Timão sofreu com a forte marcação, mas venceu o Mirassol por 1 a 0, em Itaquera, e agora espera pelo vencedor do confronto entre Palmeiras e Ponte Preta.

Se o ataque ainda não funciona como o técnico Tiago Nunes quer, quem está resolvendo é o volante Éderson. O jogador contratado do Cruzeiro marcou o terceiro gol em três jogos consecutivos (fez contra Oeste e Bragantino) e foi determinante para a classificação.

Mirassol reclama

O Mirassol questiona a expulsão do meia Juninho, aos 14 minutos do segundo tempo. O jogador deu um pisão em Carlos, mas não recebeu cartão. O árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo, porém, foi chamado pelo VAR e optou pela expulsão após ver as imagens na beirada do campo. Para o comentarista de arbitragem Sálvio Spínola, o cartão vermelho foi um exagero (veja o lance abaixo).

Cartão vermelho! Juninho dá entrada dura e é expulso direto após revisão do VAR, aos 14 do 2º tempo

Cartão vermelho! Juninho dá entrada dura e é expulso direto após revisão do VAR, aos 14 do 2º tempo

Vem o tetra?

O Corinthians tem agora a chance de conquistar o primeiro tetracampeonato da era profissional do Campeonato Paulista. O Paulistano conquistou a competição entre 1916 e 1919 no período amador.

Primeiro tempo

O Corinthians teve dificuldade de passar pela forte marcação feita pelo Mirassol. Com cinco jogadores no meio de campo, o time do interior travou boa parte das tentativas, mas atacou pouco. Na única chance, aos 13 minutos, Juninho exigiu ótima defesa de Cássio em cobrança de falta. Faltou velocidade ao Timão, principalmente pelo meio. As oportunidades apareceram pelos lados. Mateus Vital, aos 25, acertou a trave após cruzamento de Carlos pela esquerda. Aos 28, Éderson cruzou rasteiro da direita, e Jô não conseguiu finalizar de letra na pequena área.

Segundo tempo

O Corinthians acelerou o jogo na volta do intervalo. Luan teve duas boas chances. Aos três, foi travado por Moraes. Aos oito, parou em boa defesa de Kewin. O Mirassol perdeu Juninho, aos 14, expulso por um pisão em Carlos. O árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo, que não havia aplicado cartão amarelo pela jogada, foi chamado pelo VAR para analisar as imagens e optou pela expulsão. O Timão chegou ao gol aos 26. Éderson arriscou de fora da área, e Kewin não conseguiu segurar. Aos 32, Alisson Silva desviou no próprio travessão um escanteio batido por Luan. Kewin ainda evitou gols de Janderson e Araos. O Mirassol assustou aos 49, em uma trombada de Cássio e Jô na área, mas não aproveitou.

Éderson comemora gol do Corinthians contra o Mirassol

Éderson comemora gol do Corinthians contra o Mirassol (Foto: Marcos Ribolli)

Jogadores do Corinthians posados contra o Mirassol

Jogadores do Corinthians posados contra o Mirassol (Foto: Marcos Ribolli)

(Globo Esporte)

+A -A
izmir escort izmir escort izmir escort izmir escort denizli escort antalya escort antalya escort antalya escort antalya escort ankara escort izmir escort izmir escort
scroll to top