Cuiabá - MT | Quinta-Feira, 06 de Maio de 2021

Pinheiro defende interlocução entre Municípios e Estado no enfrentamento à Covid-19

Pinheiro defende interlocução entre Municípios e Estado no enfrentamento à Covid-19


.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, defendeu que haja um constante diálogo entre as prefeituras e o Governo do Estado de Mato Grosso no enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). O posicionamento do chefe do Executivo foi expressado nesta terça-feira (16), durante a videoconferência com outros gestores municipais, promovida pela Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM). 

“Mato Grosso é formado por 141 município e é extremamente importante ter essa interlocução com o governo estadual. Estamos vivendo um momento que pegou todos de surpresa, que exige muito equilíbrio e responsabilidade no enfrentamento dessa situação. Não é um momento de pensar política, em eleição, mas sim de união para proteger as pessoas e salvar vidas”, comentou Pinheiro. 

O prefeito destacou ainda que Cuiabá é uma cidade referência e, por diversas vezes, o amparo da saúde estadual. De acordo com ele, além da Covid-19, a estrutura da Capital tem que conseguir atender milhares de pacientes com outras patologias, o que acaba sobrecarregando o sistema. Nessa linha, Pinheiro defendeu a necessidade das prefeituras se ajudarem, principalmente neste período. 

“É importante que possamos, via AMM que é a nossa instituição representativa, dar as mão e ver como o interior pode contribuir para o enfrentamento à Covid-19. Fui deputado estadual por quatro mandatos e sei que cerca 80% do nossos município são de pequeno e médio porte. Mas, sei também da força, o vigor a importância do municipalismo. É preciso existir a união de todos por um bem comum, por Mato Grosso”, completou. 

A reunião, conduzida pelo presidente da AMM, Neurilan Fraga, teve como objetivo discutir estratégias e ações integradas de combate à pandemia nos municípios. A ideia é que as medidas já aplicadas pelos gestores, juntamente com as recomendações das entidades de saúde, embasem um planejamento que consiga alcançar todo território mato-grossense e, de forma eficiente, combater a propagação do vírus. 

“Tivemos um crescimento no número de contaminados nas últimas semanas e precisamos ter um trabalho integrado nesse combate. O prefeito Emanuel Pinheiro demonstrou essa preocupação, pois isso termina atingindo também Cuiabá e solicitou essa reunião. É um momento difícil, pois ele apresenta problemas de ordem sanitária e também financeira, por consequência da pandemia”, pontua Fraga.