Cuiabá - MT | Terca-Feira, 11 de Maio de 2021

Comissão de saúde apresenta relatório técnico sobre situação de hospitais no enfrentamento à Covid-19

Comissão de saúde apresenta relatório técnico sobre situação de hospitais no enfrentamento à Covid-19


.

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

A visita aos hospitais de Cuiabá e Várzea Grande habilitados ao atendimento da Covid-19,  realizada na segunda-feira (8), originou um relatório técnico produzido pela comissão de saúde e previdência social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. Fazem parte da comissão os deputados estaduais, Lúdio Cabral, Paulo Araújo, Dr. Eugênio, Dr. Gimenez e Dr. João.

O hospital Metropolitano (Várzea Grande) e a Santa Casa (Cuiabá) foram vistoriados pelo membro titular da comissão Paulo Araújo. De acordo com o relatório a situação encontra-se da seguinte forma:

Hospital Metropolitano

“…Unidade que disponibIliza 40 leitos de UTI’s adultos exclusivos para COVID-19, sendo todos com equipamentos completos e equipe de profissionais, taxa de ocupação de 87%, sendo 05 vagas disponíveis. A unidade possui também 238 leitos de enfermaria, sendo 40 pacientes internados com taxa de ocupação de 16,8 %. A unidade possui uma boa estrutura física…”.

Santa Casa 

“…Unidade que disponibiliza 40 leitos de UTI’s adultos exclusivos para COVID-19, sendo todos com equipamentos completos e equipe de profissionais, taxa de ocupação de 72%, sendo 11 vagas disponíveis. A unidade possui também 66 leitos de enfermaria, sendo 31 pacientes internados com taxa de ocupação de 46,96 %. A unidade possui uma boa estrutura física…”.

Também acompanharam a comissão de saúde na visita os deputados, Ulysses Moraes, Faissal Calil e Carlos Avalone.

Já os hospitais Pronto Socorro Municipal de Cuiabá e São Benedito foram visitados pelo presidente da comissão, Dr. Eugênio e pelo deputado Dr. João.

Pronto Socorro Municipal de Cuiabá 

De acordo com o relatório, “… Fomos recepcionados pelo Diretor Dr. Douglas Domingues, que prontamente respondeu questionário de perguntas padrão do CFM relativos a UTI, que se encontra em anexo. Respondeu que o PS de Cuiabá tem 40 leitos exclusivos Covid-19,  com 31 ou 32 leitos ocupados (sic); Que tem 15 leitos de UTI pediátrica; possui 120 leitos de enfermaria com 28 ocupados. Negou falta de EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual) e de medicamentos…”.

In loco, foi constatado pela equipe que “…Observamos que a UTI pediátrica, apesar de alguns leitos bem montados com equipamentos adequados, não está em funcionamento…”.

Foi constatado que dos 40 leitos disponíveis, 34 estão aptos para uso.

 

 

São Benedito

“…Fomos informados que estão disponibilizados 40 leitos de UTIs para o uso  exclusivo para o enfrentamento à Covid-19 e a quantidade de 30 leitos de UTI geral. Disponiveis 12 leitos exclusivos de enfermaria pra COVID-19 e 40 leitos de enfermaria para pacientes com coronavírus para cobertura no Hospital Militar. Foi informado também que não há falta de medicamentos e EPI´s.  Vistoriados todos os leitos constatamos que existe 20 leitos de UTIs equipados com ventiladores, monitores multiparametricos e bombas de infusão em todos os leitos. Montados 20 leitos divididos em 5 quartos de enfermaria adaptados pra UTI com 4 leitos em cada quarto, perfazendo 20 leitos, todos equipados com ventiladores mecânicos, monitores multiparamétricos e bombas de infusão, totalizando 40 leitos, porém sem nenhum paciente. Perguntado ao gestor o motivo de não ter nenhum paciente, haja visto estarem habilitados desde 26 de março de 2020(sic), fomos informados que se deve ao plano emergencial que definiu primeiro preencher os leitos da Santa Casa, Hospital Metropolitano, PS municipal e finalmente Hospital São Benedito…”.

Agora o relatório deverá ser encaminhado ao ministério público estadual e federal.

Fonte: ALMT