CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 22/05/2020  15:50:04


Servidores destacam compromisso da gestão com o Programa Cuidando de Quem Cuida da Gente



thumbnail-for-89649.jpg


.

Com menos de uma semana de funcionamento, o Programa Cuidando de Quem Cuida da Gente, que foi lançado pela Prefeitura de Cuiabá na última segunda-feira (18) visando proteger a saúde mental e emocional dos milhares de profissionais do SUS da Capital que estão ligados ao atendimento e combate ao novo coronavírus (COVID-19), vem acumulando elogios e aprovação. 

Por meio de plataforma digital interligada ao site da Prefeitura, o Programa, que foi idealizado e coordenado pela primeira-dama da Capital, Márcia Pinheiro de forma inédita em Mato Grosso está acolhendo esses profissionais  por meio de palestras, workshops e ainda atendimentos psicológicos e psiquiátricos.

“Foi uma grande iniciativa da gestão que demonstrou cuidado com todos nós que estamos arriscando nossas vidas para salvar outras. Um olhar diferenciado que soube enxergar que antes de qualquer coisa, somos humanos, temos família e também temos medos de adoecer no combate à essa doença tão nova, com poucas informações concretas e assustadora”, pontuou José Paulino de Oliveira, responsável pelo Núcleo de Proteção do Paciente e do Trabalhador na Policlinica do Verdão.

A psicóloga Telma de Alencar Mendes que exerce suas funções no  Hospital Municipal de Cuiabá- HMC, endossou a importância do Programa. “Em qualquer fase da vida humana os cuidados com Saúde é crucial. A pandemia de Coronavírus potencializou todas as evidências que podem culminar em patologias que, se vão acompanhadas, podem resultar em sérios problemas mentais. O programa realmente veio para nos auxiliar nesses cuidados essenciais”, disse Alencar. 

De acordo com primeira-dama, as declarações vem ao encontro do grande objetivo do Cuidando de Quem da Gente que está contemplando 7 mil servidores de todas as esferas da Saúde e mais 200 da Assistência Social. 

“Sabemos que o estresse e a pressão que esses profissionais estão passando na atuação contra a Covid-19 provocam severos problemas de saúde mental nos trabalhadores.  Por isso, o objetivo  é prestar todo apoio e amparo psicológico necessário para cuidarmos de quem cuida da gente, nesse momento tão crítico. E saber que estamos conseguindo ofertar esse gesto de humanização é gratificante”, enfatizou  a primeira-dama. 

PRÁTICA

A nova estratégia de cuidados ao servidor está sendo conduzida por profissionais das áreas de psiquiatria, psicologia, nutrição e educação física e terá duração de seis meses. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
scroll to top