Grupo Amaggi doa 50 mil cestas básicas para necessitados em Mato Grosso

Kenny G lança “Emeline”, faixa inédita de seu novo álbum “New Standards”

InfocoWeb | Variedades

PI 1450 Até 31/10 PI 1451 Até 06/11

Numa iniciativa social de arrojo, o Grupo Amaggi vai doar 50 mil cestas básicas para atendimento emergencial em Cuiabá e nos municípios onde o conglomerado tem atividades econômicas. A operacionalização cabe à  Fundação André e Lúcia Maggi, controlada pelo grupo Amaggi.

Pelos próximos três meses, o atendimento deve beneficiar mais de 190 mil pessoas em condições de vulnerabilidade social, em Mato Grosso, pelos reflexos diretos e indiretos do Covid-19.

“Nossa atenção e cuidado é com aqueles que tanto contribuem para o desenvolvimento de Mato Grosso e fazem da Amaggi sua segunda casa”, diz nota divulgada pela fundação.

“Convido empresários, associações e federações a seguirem o mesmo caminho! Assim, estaremos juntos, ajudando que não tem renda suficiente para passar por essa situação”, afirma o ex-ministro Blairo Maggi, da Agricultura.

Maggi observou que o grupo colocou à disposição dos interessados a estrutura da Fundação André e Lúcia Maggi, para os que precisarem de qualquer suporte e orientação.

Equipamentos hospitalares

Em fins de março, os grupos AMaggi, Scheffer e Bom Futuro compararam de 10 leitos de UTI completos para a Prefeitura de Sapezal. Também adquiriram  outros produtos, como máscaras cirúrgicas, luvas, aventais, testes de detenção rápida da Covid 19.

A  Prefeitura de Sapezal entrou com recursos financeiros para a manutenção das novas UTIs, no Hospital Municipal.

Já na primeira esmena de abril, em nova ação do agronegócio, o empresário Elizeu Scheffer comprou e  faz a doação de 34 respiradores para os hospitais de Mato Grosso atuarem no enfrentamento ao Covid-19.