Cuiabá - MT | Sábado, 23 de Outubro de 2021

Contra a Covid-19, “robô” entrevistará 125 milhões de brasileiros por telefone

Contra a Covid-19, “robô” entrevistará 125 milhões de brasileiros por telefone


source
Covid-19 arrow-options
Pixabay/rottonara

Atendimento visa localizar os rumos das contaminações, além de informar sobre a Covid-19

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou durante a coletiva da tarde de hoje (31) que 125 milhões de brasileiros passarão a receber ligações automáticas para monitoramento de casos suspeitos e outras informações sobre a Covid-19 a partir desta noite. 

LEIA MAIS: ‘Teremos 300 milhões de EPIs em breve”, diz Mandetta

A inteligência artificial deverá cadastrar hábitos e contatos para facilitar rastreamento do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no Brasil. Além do monitoramento, a programação inclui recomendações sobre como agir frente a casos suspeitos de Covid-19, formas de contaminação, prevenção e desmistificação de boatos sobre o vírus.

Trata-se de mais uma etapa no processo de digitalização do atendimento do Ministério da Saúde, que no último dia 26 lançou um canal exclusivo via Whatsapp e Facebook. Ambas as plataformas terão suas informações repassadas para profissionais da saúde