Cuiabá - MT | Sábado, 23 de Outubro de 2021

Isolamento em uma cidade pode retardar em até 75 dias chegada do vírus em outras

Isolamento em uma cidade pode retardar em até 75 dias chegada do vírus em outras


source
isolamento social arrow-options
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Comércio de rua do Rio de Janeiro fechado durante período de isolamento social

Um estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) mostra que quanto maior for a adesão de políticas de isolamento social por municípios brasileiros onde há casos de Covid-19, maior é o intervalo de tempo para a doença chegar em outras cidades, que podem se preparar para lidar com o coronavírus. O intervalo de tempo pode variar entre 10 e 75 dias, dependendo do grau de isolamento

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

Quando o isolamento é leve, sem a redução do contato social e com a permanência de transportes intermunicipais, o Covid-19 demora em média 10 dias para chegar a outra cidade. 

Mas quando a adesão à quarentena é alta, com até 32% de isolamento dos habitantes em suas moradias e 80% da interrupção da circulação entre municípios, pode demorar até 75 dias para o coronavírus infectar um novo município.

O estudo

A análise foi feito pelo pesquisador Marcelo Gomes, do Programa de pós-doutorado em computação científica da Fiocruz. Ele cruzou dados do IBGE de origem e destino de passageiros de avião e de deslocamentos pendulares (pessoas que trabalham em uma cidade e moram em outra).

Leia também: De gripezinha a “não é tudo isso”: vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

O estudo analisou a vulnerabilidade das microrregiões brasileiras à chegada do novo coronavírus. Gomes afirma que a primeira onda de disseminação da doença, que começou em São Paulo e no Rio de Janeiro e levou o vírus para outras capitais e centros urbanos, já ocorreu. Contudo, ele explica que é possível tornar a segunda onde de transmissão do Covid-10 mais lenta por meio do isolamento .