Cuiabá - MT | Terca-Feira, 28 de Setembro de 2021

Estiagem deve seguir até fevereiro

Estiagem deve seguir até fevereiro

Depois de dias com temperaturas beirando os 40 graus no Rio Grande do Sul, no final da tarde desta quinta-feira (9) a chuva retornou à algumas regiões do Estado mas em volume insuficiente para conter a estiagem. A maior intensidade foi registrada no Norte. Em Vacaria foram, em média, 130 mm e na região de Passo Fundo, de 30 a 70mm. Na região de Santa Maria foram 50mm em 1 hora. Chegaram a circular imagens do céu carregado nas regiões Sul e Centro-Sul, mas o índice pluviométrico ficou abaixo dos 10 mm.

No último levantamento da Defesa Civil já eram 18 municípios com decreto de situação de emergência e o número deve subir nos próximos dias. O órgão já recebeu 25 pedidos.  No Vale do Rio Pardo os prejuízos se aproximam de R$ 300 milhões. Em todo o Estado há perdas em milho, soja, feijão, tabaco, gado leiteiro, além de falta de água.

O cenário não é favorável. Ainda de acordo com a Defesa Civil a estiagem deve seguir durante todo o mês de fevereiro, com chuvas mais expressivas retornando somente em março.

O Portal Agrolink está acompanhando a situação. Acompanhe outras matérias sobre o tema:

Agricultura encaminha medidas de emergência

RS: técnicos do Mapa irão verificar condições das lavouras afetadas pela seca

RS: mais um município decreta emergência

Levantamento apresenta perdas preliminares com a estiagem

Estiagem prejudica silagem do milho para os produtores

Quebra na safra aumenta expectativa do fumicultor com venda