Cuiabá - MT | Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021

Mãe de irmãos que morreram atropelados em Avenida quebrou a bacia e pode ficar sem andar

Mãe de irmãos que morreram atropelados em Avenida quebrou a bacia e pode ficar sem andar

Cleide dos Santos, 48 anos, mãe de Bruno dos Santos, 10 anos, e Brenda dos Santos, de dois anos, que morreram atropelados na Avenida dos Trabalhadores na última terça-feira (31), quebrou a bacia e diversas partes do corpo.

Ela segue internada em estado grave no Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), segundo familiares em decorrência das diversas fraturas Cleide poderá ficar até um  ano sem andar.

Cleide deve ser transferida para um hospital particular nos próximos dias.

As 3 vítimas foram atropeladas na tarde do dia 31. Mãe e filhos atravessavam a rua quando foram atropelados pela caminhonete. As câmeras de segurança da rua registraram o momento do acidente.

Era uma subida e a visão estava prejudicada tanto para o motorista, quando para os pedestres.O veículo seguia pela pista no meio, quando a família atravessou. O condutor ainda tentou frear e desviar para a esquerda, a fim de dar tempo para que os pedestres recuassem, mas não houve tempo.

A batida foi tão forte, que as crianças foram arremessadas para o ar e caíram há vários metros do local da pancada. O menino morreu no local e a menina a caminho do hospital. A mãe permanece internada. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Delitos de Trânsito (Deletran).