Cuiabá - MT | Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021

Alisson vibra com classificação e projeta final com Flamengo como grande desafio

Alisson vibra com classificação e projeta final com Flamengo como grande desafio

Foto: REUTERS/Corinna Kern

O Liverpool suou, mas venceu o Monterrey por 2 a 1, com um gol nos acréscimos e está classificado para enfrentar o Flamengo na final do Mundial de Clubes, sábado, às 14h30 (de Brasília), no Catar. O brasileiro Alisson projetou a decisão e disse que para a equipe inglesa também será um grande desafio se colocar frente a um estilo diferente do que estão acostumados.

O goleiro contou que tem alguns amigos no elenco rubro-negro. Ele acredita que a final será um grande espetáculo para os torcedores acompanharem.

– Não será só um teste só para o Flamengo, será um teste para nós também. Eles têm um estilo de jogo diferente do que estamos acostumados. Agora sim vamos nos preparar para essa partida. Vamos dar o melhor para conquistarmos o título, que é muito importante para nós. No Flamengo tem muitos jogadores com quem eu me dou bem. O Gerson, o Diego Alves, Diego, Filipe Luís, Rafinha, o presidente também (Landim), que esteve conosco na Seleção. Vai ser muito legal reencontrá-los. Acho que vai ser um grande espetáculo – disse o arqueiro.

Melhores momentos de Monterrey 1x2 Liverpool pela semifinal do Mundial de Clubes

Melhores momentos de Monterrey 1×2 Liverpool pela semifinal do Mundial de Clubes

– Contra o Flamengo será um jogo muito, muito difícil. Mas estamos acostumados a jogar este tipo de jogo. Boa sorte ao Flamengo e ao Liverpool, e vamos ver quem vai ganhar.

Os gols de Monterrey 1x2 Liverpool pela semifinal do Mundial de Clubes

Os gols de Monterrey 1×2 Liverpool pela semifinal do Mundial de Clubes

Sobre a dificuldade encontrada pelos Reds diante do Monterrey, Alisson disse que não foi uma supresa. Ele acredita que os mexicanos tiveram até a chance de sair com a classificação.

– A gente já esperava um jogo difícil, é o jogo da vida de todos os jogadores. Talvez o europeu não tenha a mesma mentalidade do sul-americano. Já tínhamos visto que o Monterrey fez um bom trabalho contra o Al Sadd, e hoje nos dificultaram muito. Tiveram chances de vencer, deram mais chutes a gol do que nós. Apesar de as melhores chances terem sido nossas. Estamos de parabéns pela classificação. (Globo Esporte)