CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 03/12/2019  17:44:22


Série B 2020: Cuiabá espera o último adversário e Cruzeiro é o mais cotado



cuiaba-x-chapecoense.jpg

Cuiabá e Chapecoense voltarão a se encontrar. Desta vez, pela Série B

O Cuiabá, representante de Mato Grosso, já conhece 18 adversários para a próxima edição da Série B do Campeonato Brasileiro. Após fazer uma boa campanha este ano, ficando com a oitava colocação na classificação geral (somou 52 pontos), o Dourado estará diante de oito rivais diferentes na próxima temporada, incluindo os quatro rebaixados da Série A e os quatro que subiram da Série C.

A Série B do Campeonato Brasileiro de 2019 terminou no último sábado (30) com a ascensão de Bragantino, Sport, Coritiba e Atlético-GO para a elite. Por outro lado, Londrina, São Bento, Criciúma e Vila Nova-GO foram rebaixados para a Série C do Brasileiro.

Da Série C, subiram Náutico, Sampaio Corrêa, Juventude e Confiança, que se juntarão a outras 16 equipes, das quais as quatro rebaixadas da primeira divisão. Duas equipes da elite já tiveram queda confirmada: Avaí e Chapecoense estão confirmados na Série B. Restam ainda duas vagas a serem decididas, sendo que uma provavelmente será do CSA, cuja situação é desesperadora, devido a chances matemáticas inferiores a 1%.

A outra vaga será disputada por Ceará e Cruzeiro, já que com a derrota do time mineiro para o Vasco, na noite desta segunda-feira, outras equipes que estavam ameaçadas estão totalmente livres do risco de rebaixamento para a segunda divisão. Assim, Fluminense, Botafogo e Vasco da Gama se safaram. De acordo com cálculos de matemáticos da UFMG, o Cruzeiro tem 90,6% de probabilidades de descenso, contra 9,4% do Ceará. A levar em conta as estatísticas, o time mineiro deve se figurar entre os 20 que disputarão a Série B em 2020.

O Cruzeiro de Fred pode ser um dos adversários do Cuiabá na próxima edição do Brasileiro da Série B

Outras 12 equipes que disputaram a segunda divisão este ano, estão confirmadas no próximo campeonato da segundona. São elas: América-MG, Paraná, CRB, Cuiabá, Operário-PR, Botafogo-SP, Vitória, Ponte Preta, Guarani, Brasil de Pelotas, Oeste e Figueirense.

Se juntam a estes as equipes que confirmaram o acesso na Série C 2019: Náutico, Sampaio Corrêa, Juventude e Confiança. E ainda os quatro rebaixados da Série A, onde já estão incluídos Avaí e Chapeconse.

CUIABÁ EM ALTA – Nesta Série B, o Cuiabá terminou com 52 pontos e 45% de aproveitamento. A oitava colocação garantiu a melhor colocação de um mato-grossense na competição. Este ano, o Dourado ganhou o tricampeonato estadual consecutivo e o bicampeonato da Copa Verde, que garantiu acesso direto às oitavas de final da Copa do Brasil de 2020.

Confira como terminou a Série B de 2019

Ceará tem mais chances de ficar na Série A do que o Cruzeiro

Para garantir matematicamente a permanência na Série A, o Ceará precisa abrir pelo menos três pontos de vantagem para o Cruzeiro ao fim da 37ª rodada. Isso porque, nos critérios de desempate, caso ambas as equipes empatem na pontuação final, o Vovô fica na frente por ter o maior número de vitórias, rebaixando o time mineiro. De olho em se livrar da degola, o Ceará vai para o jogo contra o Corinthians com ares de decisão e ainda fica atento ao resultado do duelo entre Grêmio e Cruzeiro na quinta-feira (5). Veja os cenários que asseguram o Vovô na primeira divisão com uma rodada de antecedência:

Caso o Ceará vença o Corinthians

  • O Cruzeiro tem que empatar ou perder o duelo contra o Grêmio

Caso o Ceará empate com o Corinthians

  • O Cruzeiro tem que perder do Grêmio

Em caso de derrota para o Corinthians, independentemente do resultado entre Grêmio e Cruzeiro, o Ceará vai definir se fica ou não na Série A do Brasileirão no jogo contra o Botafogo no próximo domingo (8), na última rodada da competição. Se isso ocorrer, somado a uma vitória da Raposa em cima do Tricolor gaúcho, o Alvinegro não vai depender apenas de si próprio para ficar na elite do futebol brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
scroll to top