Expediente | Quem Somos         
   Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021   

CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 24/11/2019  17:11:41


É campeão de novo! Flamengo conquista o Brasileirão sem entrar em campo



campeão-fla.jpg

Um dia após a conquista do título na Copa Libertadores da América, com vitória sobre o River Plate, o Flamengo sacramentou o título do Campeonato Brasileiro sem entrar em campo neste domingo (24). A derrota do Palmeiras, em casa (2 a 1), para o Grêmio, beneficiou o Rubro-Negro que não pode mais ser alcançado por seu principal concorrente. Assim, o título foi definido por antecipação. Foi um final de semana com taça em dose dupla para o Flamengo que sequer terminou as comemorações pela conquista da Libertadores.

Com o feito, o Rubro-Negro se tornou o primeiro time desde 1963 a ganhar o Brasileiro e a Libertadores no mesmo ano. A única equipe que obtivera tal feito havia sido o Santos, ao conquistar as edições de 1962 e 1963 da Taça Brasil – que ganhou status de Brasileiro após resolução da CBF em 2010 – e da Libertadores. Comandado por Pelé, o Peixe dominou o futebol do país naquela década e conquistou o status de um dos melhores times de todos os tempos.

Desde então, nenhum time do país conseguiu ganhar o maior título nacional e a Libertadores na mesma temporada.

Como o jogo da 34ª rodada contra o Vasco havia sido antecipado para o dia 13, o Flamengo conquistou o Brasileirão sem nem entrar em campo. Faltando quatro jogos para cada equipe, o Rubro-Negro soma 13 pontos a mais do que Santos e Palmeiras.

Em 34 partidas até agora, o Flamengo venceu 25, empatou seis e perdeu três. A equipe tem os dois principais artilheiros da competição: Gabigol, com 22 gols, e Bruno Henrique, com 18. O Rubro-Negro não perde desde a 13ª rodada, quando foi derrotado pelo Bahia por 3 a 0. De lá para cá, foram 18 vitórias e três empates.

No momento do apito final na Arena Palmeiras, os jogadores do Flamengo estavam no ônibus do clube no bairro do Recreio dos Bandeirantes, a caminho do Ninho do Urubu. Em festa, os atletas gritaram “É campeão” e “Volta pro trio”.

Graças ao Grêmio

Com a vitória sobre o Palmeiras por 2 a 1, o Grêmio se garantiu na próxima edição da Libertadores da América. Como o Verdão não venceu, o resultado do jogo deu o título antecipado do Brasileirão ao Flamengo, que no sábado foi também campeão da Libertadores. No jogo na arena, o time gaúcho saiu na frente, com gol de pênalti de Everton. O Verdão empatou, também de pênalti, com Bruno Henrique. E, nos acréscimos, Pepê assegurou o triunfo ao Tricolor.

A vitória levou o Grêmio aos 59 pontos, mantendo o time na quarta colocação e agora já garantido na Libertadores de 2020. O Palmeiras, com essa derrota, caiu para a terceira colocação, com 68 pontos, já que tem uma vitória a menos do que o vice-líder Santos (19 a 20).

Primeiro tempo

Muito embora o Palmeiras tenha começado bem, com uma chance clara de abrir o placar logo aos três minutos, quando Dudu cruzou para Borja perder boa oportunidade, o jogo contra o Grêmio teve um primeiro tempo muito morno. O time gaúcho não conseguiu se impor e chegou poucas vezes, como em chute de Everton que explodiu na zaga. O Verdão teve outras duas chances importantes, mas nenhuma delas para levantar o torcedor. A primeira com Thiago Santos, e a segunda com Vitor Hugo. Os treinadores Mano Menezes e Renato Gaúcho não ficaram satisfeitos.

Borja foi titular, mas jogou mal e saiu no intervalo

Borja foi titular, mas jogou mal e saiu no intervalo (Foto: Marcos Ribolli)

Segundo tempo

Na etapa final, os dois técnicos tentaram melhorar o jogo com alterações. Mas só Renato Gaúcho conseguiu fazer o Grêmio mudar de postura. Mais solto em campo, o Tricolor criou mais do que o Palmeiras e conseguiu chegar ao gol aos 24 minutos, quando Everton, de pênalti, abriu o placar. Antes, Maicon e o próprio Everton tinham assustado o goleiro Weverton. Mas o Verdão reagiu e, também de pênalti, aos 37 minutos empatou a partida, com Bruno Henrique. Depois disso, o jogo ficou bem melhor, com as duas equipes atacando mais. A pressão de ambos os lados foi melhor para o Grêmio, que, aos 48 minutos, fez o gol da vitória com Pepê.

Everton comemora o primeiro gol do Grêmio

Everton comemora o primeiro gol do Grêmio (Foto: Marcos Ribolli)

(Com informações do Globo Esporte)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
izmir escort izmir escort izmir escort izmir escort denizli escort antalya escort antalya escort antalya escort antalya escort ankara escort izmir escort izmir escort
scroll to top