Expediente | Quem Somos         
   Quinta-Feira, 15 de Abril de 2021   

CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 02/11/2019  04:02:38


Brasil vence, mantém 100% e avança em 1º no Grupo A do Mundial Sub-17



brasil-x-angola.jpg

Gabriel Veron toca à esquerda do goleiro Cambila para marcar o segundo dele na competição e o segundo do Brasil no jogo (Foto: Alexandre Loureiro/CBF)

Já classificado para as oitavas de final, o Brasil foi a Goiânia enfrentar Angola e definir qual time seria o primeiro colocado no Grupo A. Com um primeiro tempo sonolento e com muitas dificuldades para furar a compacta defesa angolana, o Brasil voltou à etapa final com mais ímpeto. O gol que abriu o placar saiu em cobrança de escanteio que desviou em Talles. Já o segundo foi em bela jogada individual de Gabriel Veron, um dos destaques dos garotos da seleção nesta primeira fase.

Brasil sem efetividade

O futebol envolvente e alegre tão pregado durante o Mundial Sub-17, no primeiro tempo, parecia estar do outro lado. Com muita velocidade, Angola complicou a vida do Brasil. O time de Guilherme Dalla Déa teve 62% de posse de bola e finalizou oito vezes. Mas os africanos acertaram mais o gol do que os anfitriões. Obrigaram Donelli a fazer sua melhor defesa na competição, com um chute de David. No primeiro tempo, o Brasil só conseguiu criar depois de um lançamento de Peglow, que terminou com cabeçada de Diego Rosa, e em falta cobrada por Kaio Jorge.

Zagueiro Luan Patrick teve dificuldades para achar boas opções de passe durante o primeiro tempo

Zagueiro Luan Patrick teve dificuldades para achar boas opções de passe durante o primeiro tempo (Foto: Alexandre Loureiro/CBF)

Reação

Uma bola parada e uma tremenda jogada individual resolveram a situação para o Brasil. A seleção levou um susto no início da segunda etapa, com uma grande arrancada e finalização de Zito. Mas, aos 22 minutos, Veron cobrou escanteio, Henri cabeceou, e Talles Magno escorou para o gol: 1 a 0. Pouco depois, foi a vez do camisa 7 estufar as redes. E com classe. Em sua jogada típica, de arrancada e infiltração, ele passou por três marcadores e tocou na saída de Cambila: 2 a 0.

Jogadores do Brasil comemoram o gol de Talles Magno, o primeiro da seleção contra Angola

Jogadores do Brasil comemoram o gol de Talles Magno, o primeiro da seleção contra Angola (Foto: Martin Rose – FIFA/FIFA via Getty Images)

Agenda

O Brasil agora volta para Brasília, onde faz seu jogo das oitavas de final. Vai enfrentar um dos melhores terceiros colocados, que sairá dos Grupos C, D ou E. A definição sai apenas no domingo. O confronto pelas oitavas será na próxima quarta-feira, às 20h, no Bezerrão, no Gama-DF. Angola permanece em Goiânia e enfrenta o segundo do Grupo C, na próxima terça-feira.

Filas imensas

Como tem sido de costume nos jogos do Brasil nesta Copa do Mundo Sub-17, os torcedores tem entrado nos estádios quando o jogo já está rolando. Foi assim nas duas primeiras partidas no Bezerrão, e também nesta noite, no estádio olímpico de Goiânia. Só que dessa vez parece que a dificuldade para conseguir assistir ao jogo foi maior.

Fez falta

Suspenso, o lateral-direito titular Yan viu o jogo das tribunas. Aproveitou até para fazer um carinho na irmãzinha, que ainda nem completou um ano. E fez falta. Sem ele, Garcia fechou mais o lado direito e pouco subiu. Com isso, Veron não tinha seu principal parceiro para triangulações e infiltrações na área. Mas o camisa 7 resolveu com uma jogada individual pelo meio para fazer seu golaço, que deixou o Brasil tranquilo na segunda etapa. (Globo Esporte)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
izmir escort izmir escort izmir escort izmir escort denizli escort antalya escort antalya escort antalya escort antalya escort ankara escort izmir escort izmir escort
scroll to top