Expediente | Quem Somos         
   Segunda-Feira, 19 de Abril de 2021   

CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 20/10/2019  17:20:37


Galo volta a vencer, alivia pressão para o Z-4 e quebra invencibilidade do Santos



galo-vale.jpg

Jogadores comemoram gol do Atlético-MG (Foto: Bruno Cantini)

O Atlético-MG fez o dever se casa, venceu o Santos, por 2 a 0, no Independência, e ganhou um fôlego no Campeonato Brasileiro, após cinco rodadas sem vencer. Um resultado importante para distanciar a equipe da briga contra o rebaixamento e que colocou o Santos ainda mais distante do sonho do título. Os gols da partida foram marcados por Luan, logo aos cinco minutos, e Leonardo Silva, ainda no primeiro tempo.

Primeiro tempo

A primeira etapa foi bastante agitada no Independência. O Atlético-MG começou muito bem a partida e abriu o placar logo no começo, aos cinco minutos, com o atacante Luan. O Santos tentou reagir, mas não teve muito tempo para se rearranjar. O segundo gol atleticano veio na metade da primeira etapa, aos 22 minutos, após cabeceio de Leonardo Silva em cobrança de escanteio. O Peixe levou perigo em lances pelo alto, mas não conseguiu diminuir o marcador. Em um jogo quente, os jogadores das duas equipes se estranharam em vários momentos. O saldo foi de cinco cartões amarelos.

Luan comemora o primeiro gol do Atlético

Luan comemora o primeiro gol do Atlético (Foto: Bruno Cantini)

Segundo tempo

Na segunda etapa, o Atlético-MG diminuiu bastante o ritmo.No entanto, o Santos não soube aproveitar, teve muita dificuldade na criação das jogadas e pouco incomodou o gol de Cleiton. As alterações promovidas por Jorge Sampaoli não surtiram efeito. Assim, o Galo ocntrolou a partida até o apito final.

No segundo tempo, partida teve ritmo diminuído pelos times

No segundo tempo, partida teve ritmo diminuído pelos times (Foto: Bruno Cantini)

VAR e “quarentão” em ação nos gols

O Atlético-MG não precisou de muito tempo para fazer 1 a 0. Aos cinco minutos, Luan recebeu lançamento de Réver,dominou, levou para a perna esquerda e bateu no canto de Éverson. O árbitro esperou para que o VAR analisasse ajogada, por impedimento de Luan e um possível toque no braço, ambos inexistentes. Aos 22, foi a vez do zagueiro Leonardo Silva, de 40 anos, aparecer pelo alto, após cobrança d eescanteio pelo lado esquerdo e, de cabeça, mandar para a rede do Santos. Foi o 36 gol de Léo Silva com a camisa do Galo.

E agora?

O Atlético-MG termina a 27ª rodada do Brasileiro com 35 pontos e em 12º lugar, a nove pontos da zona do rebaixamento, mas com essa diferença podendo ser diminuída nesta segunda, com os jogos de Ceará e CSA, ambos com 26 pontos. O Santos, por sua vez, continua em terceiro com 51 pontos.

(Globo Esporte)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
izmir escort izmir escort izmir escort izmir escort denizli escort antalya escort antalya escort antalya escort antalya escort ankara escort izmir escort izmir escort
scroll to top