Cuiabá - MT | Sábado, 16 de Outubro de 2021

Idoso pedófilo pode estar envolvido em desaparecimento de menor

Idoso pedófilo pode estar envolvido em desaparecimento de menor

Um idoso acusado de pedofilia teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil na manhã de segunda-feira (30), após ter suas ações descobertas em investigações da Delegacia de Nova Olímpia (207 km a médio-norte de Cuiabá). O suspeito, J.C.O. (63 anos) é investigado por cometer estupro de vulnerável contra, pelos menos, cinco crianças e pode estar envolvido no desaparecimento de uma delas, ocorrido no ano de 2011, no município.

As investigações contra o suspeito iniciaram há cerca de dois meses quando uma das vítimas (atualmente com 17 anos de idade) procurou a Delegacia de Nova Olímpia para denunciar que sofreu abusos sexuais praticados pelo suspeito, dos 08 até aos 11 anos de idade.

Ao ser ouvida, a vítima relatou que na ocasião, outra criança também era vítima dos abusos, tratando-se de A.L.M. (na época de 10 anos) e que está desaparecida desde 2011. A vítima disse que nunca teve coragem de contar sobre os estupros, pois era ameaçada pelo suspeito e que fazia acompanhamento psicológico para tentar curar a depressão causada pelo trauma.

Com base nas informações passadas pela adolescente, os policiais chegaram a outras três vítimas, totalizando cinco crianças abusadas pelo pedófilo. Segundo as investigações, o suspeito usava do seu poder aquisitivo para atrair as vítimas, uma vez que morava em um bairro de periferia e se aproveitava da situação de vulnerabilidade das crianças, para praticar os abusos.

Diante das evidências, o delegado responsável pelas investigações, Adil Pinheiro de Paula, representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e cumprido na manhã desta segunda-feira (30). “Com a prisão do suspeito, as investigações serão intensificadas, com o fim de esclarecer o seu envolvimento ou não no desaparecimento da menor, ocorrido há cerca de 8 anos e que até hoje não foi esclarecido”, disse o delegado.