Cuiabá - MT | Terca-Feira, 11 de Maio de 2021

Chapecoense resiste à pressão do Athletico-PR arranca empate em Curitiba

Chapecoense resiste à pressão do Athletico-PR arranca empate em Curitiba

Nikão marcou o gol de empate do Furacão na Arena da Baixada (Foto: Henry Milleo/Gazeta do Povo)

Um massacre. O Athletico-PR pressionou, carimbou o travessão, mas só conseguiu marcar um gol no empate em 1 a 1 com a Chapecoense. Ao todo, foram 28 finalizações do Furacão, com 12 chances reais de gol, contra apenas uma da Chape em oito finalizações.

Apesar desse grande volume, o time de Santa Catarina abriu o placar com Arthur Gomes ainda no primeiro tempo e Nikão deixou tudo igual em um gol de falta.

Primeiro tempo

O Athletico-PR pressionou a Chapecoense desde o início, principalmente com o trio de ataque formado por Nikão, Rony e Marcelo Cirino. A única forma que parecia ser possível de o time de Santa Catarina conseguir um gol era no contra-ataque. E foi justamente isso que aconteceu. Os visitantes cobraram uma falta com rapidez e foram avançando, até que Arthur Gomes recebeu cara a cara com o goleiro e abriu o placar. Mas a pressão dos donos da casa seguiu.

Arthur Gomes comemora o gol que abriu o placar na Arena da Baixada

Arthur Gomes comemora o gol que abriu o placar na Arena da Baixada (Foto: Márcio Cunha/Chapecoense)

Segundo tempo

O calor do Furacão continuou tanto que acertou o travessão uma vez com um belo voleio de Nikão. Pouco depois, ele deixou tudo igual ao mandar uma bomba em cobrança de falta da intermediária. Mais tarde, Marco Rúben carimbou o travessão novamente e não teve sucesso em virar o placar. Por fim, o 1 a 1 acabou sendo injusto.

Jogadores do Athletico comemoram o gol de empate marcado por Nikão

Jogadores do Athletico comemoram o gol de empate marcado por Nikão (Foto: Henry Milleo/Gazeta do Povo)

Tabela

Com o resultado, os dois times continuam nas mesmas posições que começaram a rodada: Athletico-PR em nono, com 31 pontos, mas ainda pode ser ultrapassado pelo Atlético-MG que tem um jogo a menos; e a Chapecoense segue na lanterna, mas agora com 15 pontos.

Próximos jogos

O Furacão volta a campo no próximo sábado, contra o Bahia, fora de casa, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Já a Chape recebe o líder Flamengo, também pelo Brasileirão, na Arena Condá no próximo domingo, às 11h.  (Globo Esporte)