Cuiabá - MT | Terca-Feira, 15 de Junho de 2021

Em jogo com lances polêmicos, Vasco e Athletico ficam no empate

Em jogo com lances polêmicos, Vasco e Athletico ficam no empate

Henriquez, do Vasco, cabeceia e ameaça o Athletico (Foto: André Durão)

O segundo turno do Campeonato Brasileiro começou animado para Vasco e Athletico-PR. Em jogo movimentado, com direito a lei do ex, VAR, lances polêmicos e gol anulado aos 44 minutos do segundo tempo, as equipes empataram por 1 a 1 em São Januário na tarde deste domingo, pela 20ª rodada. Somente laterais balançaram as redes: Madson e Danilo Barcelos.

O jogo

Campeão da Copa do Brasil na última quarta-feira, o Athletico-PR não poupou forças e entrou com sete titulares. Começou tendo mais a bola, mas viu o Vasco criar as melhores chances do primeiro tempo. Mas o jogo pegou fogo mesmo na etapa final: logo aos 3 minutos, Fernando Miguel saiu mal do gol após cruzamento de Abner Vinicius e Madson, ex-jogador do Vasco, abriu o placar. O Furacão seguiu em cima e pressionou em busca do segundo gol, mas a entrada de Marrony no lugar de Rossi deu novo ânimo aos donos da casa. Aos 20, Danilo Barcelos empatou cobrando pênalti. Aos 40, Raul colocou no fundo da rede para virar o jogo, mas o VAR entrou em ação e o gol acabou anulado. A arbitragem, inclusive, vale um destaque à parte…

VAR e polêmicas

Foram três momentos em que a arbitragem foi protagonista em São Januário. Ainda no primeiro tempo, Leandro Castan caiu em disputa com Bruno Guimarães na área e pediu pênalti. Anderson Daronco nada marcou, de forma equivocada na visão do comentarista PC de Oliveira. Na etapa final, o gol de empate do Vasco saiu após pênalti marcado em toque de braço de Rony dentro da área, mas PC, desta vez, disse que não marcaria. Por fim, a decisão pela anulação do gol de Raul (veja abaixo) foi correta, já que Henríquez fez falta sobre o goleiro Santos na jogada.

Panorama

O Vasco segue na 12ª posição, agora com 24 pontos, e na próxima rodada visita o Atlético-MG no Independência. O Athletico-PR vai a 27, sobe na classificação e recebe o Fortaleza no meio de semana.

(Globo Esporte)