Cuiabá - MT | Quinta-Feira, 21 de Outubro de 2021

FMF e prefeitura discutem entrega do estádio Dutrinha

FMF e prefeitura discutem entrega do estádio Dutrinha

Uma reunião, marcada para esta quinta-feira (19), envolvendo o secretário municipal de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo e representantes da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), vai discutir o prazo de entrega da revitalização do estádio Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha. O encontro acontecerá na sede da secretaria, a partir das 15 horas.

As obras de recuperação do Dutrinha, tiveram início em fevereiro deste ano com a demolição de uma das partes de base da arquibancada dos camarotes. A obra atende uma proposta do Ministério Público do Estado (MPE) e contempla, principalmente, os aspectos de segurança do espaço esportivo.

A reforma previa reparos no vestiário, na área de acesso dos jogadores e arbitragem, salas de imprensa e polícia, além de adequações de acessibilidade. Também estão sendo realizadas obras emergenciais, como a reconstrução de um dos muros laterais, que desabou e a manutenção da arquibancada, localizada ao lado da entrada principal.

A reforma teve um orçamento inicial previsto de R$ 500 mil – recurso da Prefeitura – e a previsão para finalização era de 120 dias – no aniversário dos 300 anos de Cuiabá, o que não aconteceu. Com a revitalização, o Dutrinha poderá receber jogos do Campeonato Estadual e outros espetáculos esportivos.

O velho Dutrinha tem capacidade para receber cerca de três mil torcedores e não estava em conformidade com as normas da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Estes critérios, contudo, deverão ser atendidos com a reforma.

NOTA DE PESAR

A FMF divulgou nesta quarta-feira, uma nota de pesar lamentando o falecimento do desportista Américo José Ordano. Dom Bosquino, Américo atuou pela FMF como delegado de partida e fiscal, além de passagens nas funções de massagista e roupeiro de algumas equipes profissionais como Mixto e Dom Bosco. Seu sepultamento ocorreu na tarde desta quarta-feira no cemitério São Gonçalo, no Coxipó.