Cuiabá - MT | Quarta-Feira, 12 de Maio de 2021

Sobrinho gay de Silas Malafaia revela podres da família do pastor e deixa igreja perplexa

Sobrinho gay de Silas Malafaia revela podres da família do pastor e deixa igreja perplexa

Silas Malafaia é um dos principais líderes entre os pentecostais. Já Rodrigo Westermann é homossexual assumido e confronta o tio famoso

 

Rodrigo Westermann seria mais um no meio da multidão, caso não fosse o sobrenome famoso. E, por isso, está causando grande polêmica nas redes sociais.

Ele é sobrinho-neto do pastor evangélico Silas Malafaia, principal líder da Assembleia de Deus de Madureira e um dos mais influentes entre os pentecostais, no Brasil, desde a década de 1980.

No entanto, Rodrigo não segue mais o meio evangélico. Muito pelo contrário, o rapaz é homossexual assumido e, na internet, tem criticado o tio famoso.

Em uma publicação feita na internet, Rodrigo diz que desde cedo foi criado no meio evangélico, mas que não era aceito pelo fato de ser homossexual. O rapaz sofreria supostos castigos por ser gay e, afim de ser aceito, teria namorado algumas meninas. Hoje Rodrigo vive com outro homem e se diz muito feliz.

Rodrigo diz que o sobrenome “Malafaia” é difícil de descer pela goela e que cresceu apanhando. As supostas surras e castigos teriam levado o rapaz a ter problemas. “Com 13 anos entrei em coma alcoólico por 2 dias depois de inúmeras doses de insulina acordei do nada, um milagre de um Deus que me ama como eu sou”, disse ele ao comentar a situação.

O rapaz lembra que a igreja teria pregado preconceitos contra ele, mas que seu Deus o ama e aceita da forma que ele é. O rapaz ainda critica o que chama de fundamentalismo, no qual as religiões deixam de pregar o “amor’.

*Rodrigo com o seu companheiro, nas rede sociais.