Cuiabá - MT | Sábado, 23 de Outubro de 2021

CDL de Chapada dos Guimarães e parceiras se unem para combater a queimada

CDL de Chapada dos Guimarães e parceiras se unem para combater a queimada

A situação por conta das queimadas está cada vez mais caótica no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, a 65 km de Cuiabá. No último fim de semana, um foco de incêndio atingiu a área do Portão do Inferno, um dos pontos turísticos do parque que fica às margens da MT-251. O fogo próximo à rodovia tem prejudicado o tráfego entre Cuiabá e Chapada dos Guimarães. Em alguns pontos, a visibilidade é quase zero.

O fogo está se espalhando rapidamente por causa do calor e da baixa umidade. As chamas também já chegaram nas áreas onde ficam duas cachoeiras que atraem muitos turistas, a Cachoeira da Geladeira e a Cachoeira do Marimbondo. A população local e moradores das cidades vizinhas tem sofrido muito com a fumaça e a alta temperatura.

Para dinamizar os trabalhos, os focos são combatidos em várias frentes, com brigadistas e bombeiros atuando por terra, com abafadores e construção de aceiros. Em apoio a essas equipes, o Conselho Municipal de Turismo de Chapada dos Guimarães (COMTUR), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL local) e a Casa Solidária se uniram em prol dos brigadistas para combaterem e prevenir os fogos que estão por toda a parte.

“Contamos com a ajuda de toda a população para aquisição de soprador para combate, óculos, luvas, rádios, entre outros equipamentos que serão utilizados para combater e se proteger do fogo”, explicou o presidente da CDL, Carlos Katayama.

O presidente da Federação das CDL´s de Mato Grosso, Ozair Bezerra, parabenizou a iniciativa das entidades e fez um apelo. “População mato-grossense, entidades cedelistas do Estado, vamos ajudar essa causa que é nossa. É um pequeno gesto que pode fazer muita diferença. O patrimônio é de todos nós, é em benefício da nossa saúde”, argumentou ele.

*Para doações, é preciso entrar em contato pelo número (65) 99981-4531.*