Cuiabá - MT | Quarta-Feira, 04 de Agosto de 2021

Prejuízos passam de R$ 5 milhões com explosões de caixas eletrônicos em MT

Prejuízos passam de R$ 5 milhões com explosões de caixas eletrônicos em MT

A invasão de criminosos em agências bancárias com explosões de caixas eletrônicos, já contabiliza prejuízos que ultrapassam R$ 5 milhões em Mato Grosso entre 2018 e 2019.

Deste montante mais de R$ 1,12 milhão foram roubados em espécie no ato da explosão, e o restante do valor é referente a reparos estruturais na agência com vidros, portas quebradas e caixas eletrônicos.

Não estão computados nestes dados, os transtornos dos clientes e funcionários das agências atingidas, conforme a reportagem do Cuiabano News apurou com contes da Polícia Judiciaria Civil.

Por exemplo: quem usava a Agência Verde (CPA-II, Morada da Serra) do Banco do Brasil, se vê obrigado a deslocar-se até à agência do Centro Político e Administrativo (CPA) para fazer um simples saque de 30 reais, causando transtornos para que precisa utilizar a agência atingida.

Os bandidos agora usam explosivos para abrir os equipamentos e agem de madrugada.Nem os dispositivos de segurança que queimam o dinheiro ou soltam tinta e estragam as cédulas, inibe os bandidos.

Em Cuiabá, em menos de um mês seis agências bancarias foram invadidas e tiveram parte de sua estrutura danificada pela ação dos criminosos.

No último domingo (1) bandidos invadiram a agência do Banco do Brasil do CPAII e explodiram um caixa eletrônico. A quantia roubada ainda não foi divulgada pelo banco. A unidade ficou destruída com o impacto da explosão.

Sete suspeitos de envolvimento com essa explosão foram presos pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) e um menor de idade foi apreendido. A participação de cada um deles na quadrilha é investigada.

Com o grupo a Polícia recuperou mais de R$ 60 mil reais roubados da agência do CPA.