CUIABANO NEWS
Home Política Economia & Agro Cotidiano & Polícia Esportes Variedades Opinião & Artigos Vida & Estilo MT
Inserido em: 21/06/2019  08:08:22


Seleção estreia hoje em Cuiabá e tenta antecipar vaga nas finais da Liga das Nações



WhatsApp-Image-2019-06-19-at-19.52.38.jpeg

Seleção Brasileira, durante treino para a etapa cuiabana da Liga das Nações. Foto: Alan Cosme (Cuiabano News)

A seleção brasileira de vôlei inicia nesta sexta-feira (21), na quadra do ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá, uma importante jornada na Liga das Nações masculina. Diante da Bulgária, em jogo marcado para as 20 horas (horário de MT), a equipe comandada pelo técnico Renan Dal Zotto, dá a largada para a as duas etapas brasileiras – a outra será em Brasília (28, 29 e 30 deste mês) – com a perspectiva de sair de Cuiabá já classificada para as finais da competição.

A seleção chegou a Cuiabá com um time renovado, bravo e em constante evolução. Nas três primeiras semanas de Liga das Nações masculina, o Brasil teve um caminho tranquilo. Em nove jogos, foram oito vitórias e apenas uma derrota.

Em Cuiabá, a equipe realizou quatro treinos para a disputa da etapa. Nesta sexta-feira, data da estreia contra a Bulgária, o time de Dal Zotto deve fazer o último treino no ginásio Aecim Tocantins, a partir das 11 horas, quando serão definidos os últimos detalhes e estratégias para o jogo desta noite.

Nesta sexta, o time que começa sua jornada decidido a buscar a classificação antecipada para a fase final, que acontecerá em Chicago, nos Estados Unidos, encara seu primeiro desafio. Depois, o time brasileiro ainda terá pela frente a Alemanha, neste sábado e depois a Rússia, no duelo mais esperado, domingo. Os jogos do Brasil no ginásio Aecim Tocantins terão início sempre às 20 horas. Contra Bulgária e Alemanha, o Brasil é o franco favorito, no entanto, contra a Rússia, que pode valer a vaga, tudo pode acontecer.

Na quadra do Aecim Tocantins, o Brasil vai colocar em ação, sua nova geração de astros como Wallace, Lucão, Maurício Souza, Leal, Bruninho e Lucarelli.

Embora com muito chão à frente, a comissão técnica da seleção já faz as contas da classificação em território mato-grossense. E são várias as possibilidades diante dos resultados de outras seleções que estão abaixo na tabela.

Mas, com tropeço de alguns adversários e uma matemática favorável, o Brasil pode garantir a vaga na fase final já em Cuiabá. Uma possível vaga antecipada daria mais tranquilidade ao time para a sequência na competição. A equipe pode chegar em Brasília já classificada e apenas cumprir tabela diante da complicada Itália que aparece em terceiro lugar na tabela (atrás do Brasil) com 1 pontos a menos.

O jogador Bruninho que se juntou ao restante da equipe na etapa de Portugal (anterior), já vislumbra a classificação da seleção em Cuiabá: “Acho que vamos conseguir focar na parte física, ter a tranquilidade de continuar trabalhando visando à fase final. Por mais que a gente queira vencer todos os jogos, muitas vezes tem o planejamento. Principalmente na parte física. É muito pesado, muitas viagens, e a parte física fica debilitada. Claro que queremos vencer em Brasília também, mas facilitaria e chegaríamos bem na parte final em Chicago”.

Por sua vez, o cubano naturalizado brasileiro Leal, que tem sido um dos destaques da seleção até aqui, depois de ser o maior pontuador da seleção na disputa, com 109 pontos, exalta a boa fase do grupo e o objetivo de seguir evoluindo rumo à fase final: “Acho que estamos muito bem. Em nove jogos, só perdemos um, para a Sérvia. Temos vários jogadores que chegaram ao time, Lucarelli tinha ficado um ano fora. Renan está fazendo uma coisa muito boa, mudando o time, ‘encaixando a máquina’.

O cubano espera que a seleção continue seguindo assim com essa caminhada longa. “Todo jogo temos que ter um foco. Não podemos pensar que ganhando estamos classificados. Temos que fazer nosso trabalho, saber que temos o fator casa, melhorando algumas coisas. Pouco a pouco. Nosso time ainda tem que crescer muito”, afirma Leal.

Na classificação geral, a seleção brasileira ocupa o segundo lugar com 22 pontos. A surpresa é o Irã que lidera com 24. De acordo com o regulamento, na Liga das Nações, as cinco melhores seleções garantem um lugar na fase final. Por serem sede da fase final, os Estados Unidos, já têm a vaga garantida.

VEJA COMO ESTÁ A CLASSIFICAÇÃO DA LIGA DAS NAÇÕES:

Classificação da Liga das Nações de vôlei — Foto: ReproduçãoClassificação da Liga das Nações de vôlei — Foto: Reprodução

Classificação da Liga das Nações de vôlei — Foto: Reprodução
Imagens do primeiro treino da seleção no ginásio Aecim Tocantins. Foto: João Gabriel Rodrigues
Antes da estreia da seleção, a bola rola na preliminar, a partir das 17 horas (de MT), quando a Alemanha enfrenta a Rússia.

Confira a tabela de jogos da etapa Cuiabá da Liga das Nações

21.06 (sexta-feira)
Alemanha x Rússia: 17h (horário local)
Brasil x Bulgária: 20h (horário local)

22.06 (sábado)
Bulgária x Rússia: 17h (horário local)
Brasil x Alemanha: 20h (horário local)

23.06 (domingo)
Alemanha x Bulgária: 17h (horário local)
Brasil x Rússia: 20h (horário local)

Ingressos

Os ingressos estão a venda pelo site da Tudus (clique aqui), no valor de R$ 25 (meia) e R$ 50 (inteira) para arquibancada e de R$ 35 (meia) e R$ 70 (inteira) para cadeira. O ingresso é válido para os dois jogos que serão disputados em cada dia, sendo um às 17h e outro às 20h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+A -A
scroll to top